Jornal Brasileiro de Pneumologia

ISSN (on-line): 1806-3756

ISSN (impressa): 1806-3713

Busca avançada

 

Número Atual: 2017 - Volume 43 - Número 1 (Janeiro/Fevereiro)

ERRATA

Errata: Ecobroncoscopia radial para o diagnóstico de lesões pulmonares periféricas.

Erratum: Radial-probe EBUS for the diagnosis of peripheral pulmonary lesions.

 

Marcia Jacomelli1; Sergio Eduardo Demarzo1; Paulo Francisco Guerreiro Cardoso2; Addy Lidvina Mejia Palomino1; Viviane Rossi Figueiredo1

 

 

 

Errata

Artigo: Ecobroncoscopia radial para o diagnóstico de lesões pulmonares periféricas.

Publicação: J Bras Pneumol. 2016;42(4):248-53.

DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1806-37562015000000079

Na página 251 da publicação original, coluna esquerda, segundo parágrafo, linhas 15 a 19, onde se lê

"Nódulos malignos foram encontrados em 14 (51,8%) dos 27 casos, com predomínio de câncer pulmonar de células não pequenas. Os resultados do EBUS radial foram positivos em 10 (71,4%) desses 14 nódulos malignos."

Leia-se

"Tumores foram encontrados em 14 (51,8%) dos 27 casos, com predomínio de câncer pulmonar de células não pe-quenas. Os resultados do EBUS radial foram positivos em 10 (71,4%) desses 14 nódulos tumorais (Tabela 2)."

Na página 251 da publicação original, a Tabela 1 deve ser desconsiderada e substituída pela tabela abaixo.



Na página 252 da publicação original, a Tabela 2 deve ser desconsiderada e substituída pela tabela abaixo.




Na página 252 da publicação original, coluna esquerda, terceiro parágrafo, linhas 14 a 19, onde se lê

"A sensibilidade do procedimento triplicou para as lesões visíveis por meio de EBUS radial se comparada com as lesões não visíveis pelo método (73% vs. 25%)."

Leia-se

"A sensibilidade do procedimento triplicou para as lesões visíveis por meio de EBUS radial se comparada com as lesões não visíveis pelo método (79,5% vs. 25,0%)."

Na página 252 da publicação original, coluna direita, terceiro parágrafo, linhas 1 a 7, onde se lê

"O diagnóstico diferencial entre doença maligna e infecciosa é importante no Brasil. No presente estudo, identifica-mos doença não neoplásica em 13 (48,1%) dos 27 nódulos pulmonares visíveis por meio de EBUS radial e em duas (16,7%) das 12 massas pulmonares visíveis por meio de EBUS radial, com diagnósticos finais de infecções fúngicas e tuberculose."

Leia-se

"O diagnóstico diferencial entre doença maligna e infecciosa é importante no Brasil. No presente estudo, identifica-mos doença inflamatória/infecciosa em 13 (48,1%) dos 27 nódulos pulmonares visíveis por meio de EBUS radial e em duas (16,7%) das 12 massas pulmonares visíveis por meio de EBUS radial, com diagnósticos finais de infecções fúngicas e tuberculose."

 

 


O Jornal Brasileiro de Pneumologia está indexado em:

Latindex Lilacs SciELO PubMed ISI Scopus Copernicus pmc

Apoio

CNPq, Capes, Ministério da Educação, Ministério da Ciência e Tecnologia, Governo Federal, Brasil, País Rico é País sem Pobreza
Secretaria do Jornal Brasileiro de Pneumologia
SCS Quadra 01, Bloco K, Salas 203/204 Ed. Denasa. CEP: 70.398-900 - Brasília - DF
Fone/fax: 0800 61 6218/ (55) (61) 3245 1030/ (55) (61) 3245 6218
E-mails: jbp@jbp.org.br
jpneumo@jornaldepneumologia.com.br

Copyright 2017 - Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia

Logo GN1