Jornal Brasileiro de Pneumologia

ISSN (on-line): 1806-3756

ISSN (impressa): 1806-3713

Busca avançada

Ano 1999 - Volume 25  - Número 4  (Julho/Agosto)






Editorial

1 - Pesquisar é inerente ao ser humano

Thais Helena A; Yhomaz Queluz

J Bras Pneumol.1999;25(4):3-4

PDF PT


Artigo Original

2 - Tomografia computadorizada de alta resolução (TCAR) na avaliação de alterações nas pequenas vias aéreas de pacientes com supuração brônquica crônica

High resolution CT scan in the evaluation of alterations in small airways of patients with chronic bronchial suppuration

Mônica Corso Pereira, Ilma Aparecida Pascoal, José Ribeiro Menezes Netto

J Bras Pneumol.1999;25(4):189-197

Resumo PDF PT English Text

As vias aéreas são estruturas de difícil avaliação por métodos de imagem. Desde a introdução da tomografia computadorizada de alta resolução (TCAR), no início da década de 80, muitos avanços foram feitos na interpretação dos sinais tomográficos de envolvimento das vias aéreas, através de estudos de correlação histológico-tomográfica. Este trabalho teve como objetivo estudar as anormalidades vistas na TCAR nas pequenas e grandes vias aéreas, em um grupo de pacientes com quadro clínico de supuração brônquica crônica, a fim de interpretar tais achados à luz do descrito na literatura. Em um grupo de 36 pacientes que procuraram os ambulatórios de Pneumologia do Hospital de Clínicas da Unicamp com quadro de supuração brônquica crônica, foi realizada avaliação clínico-laboratorial rotineira para bronquiectasias e exame de tomografia computadorizada de alta resolução. Dentre os 36 doentes foram encontrados 12 portadores de fibrose cística e 24 com outros diagnósticos, mencionados no texto. Os achados tomográficos são descritos e classificados na tentativa de facilitar o reconhecimento e a interpretação dessas alterações. A TCAR permite a visibilização das pequenas e grandes vias aéreas com precisão e, a partir de dados de literatura sobre a correlação histológica-tomográfica, podem-se inferir dados sobre a fisiopatogenia da doença.

 


Palavras-chave: Tomografia computadorizada. Tomografia computadorizada de alta resolução. Doenças das vias aéreas. Bronquiolite. Bronquiectasias.

 

3 - Tuberculose: tratamento supervisionado "vs." tratamento auto-administrado. Experiência ambulatorial em instituição filantrópica e revisão da literatura

Tuberculosis: directly-observed treatment x autoadministered treatment. Outpatient experience in a philanthropic health center and review of the literature

Nelson Morrone, Maria do Socorro Sandes Solha, Maria do Carmo Cruvinel, Nelson Morrone Jr., José Antonio dos Santos Freire, Zelita Lelis de Moraes Barbosa

J Bras Pneumol.1999;25(4):198-206

Resumo PDF PT English Text

Local: Unidade de saúde filantrópica especializada no tratamento ambulatorial de tuberculose e pneumopatias em geral. Panorama geral: O tratamento supervisionado da tuberculose (TS) é considerado como fundamental para aumentar a taxa de cura e diminuir a resistência adquirida. O serviço aplicou o TS no passado, abandonando-o por dificuldades financeiras. Objetivo: Comparar as taxas de abandono no TS com as do tratamento auto-administrado (TA) e identificar fatores relacionados ao abandono. Tipo de estudo: Retrospectivo, seleção ao acaso, com os pacientes sendo observados em épocas diferentes. Casuística e métodos: Foram selecionados aleatoriamente 1.226 prontuários de pacientes com tuberculose pulmonar ou extrapulmonar, dos quais igual número de pacientes foi tratado em TS e em TA. Foram comparadas as taxas de abandono nos dois tipos de tratamento e, em cada grupo, as taxas de abandono em relação a sexo, idade, raça, alcoolismo, tempo de história, tratamento anterior, extensão da doença e baciloscopia de escarro. Principais resultados: Os pacientes em TA diferiram dos em TS em vários aspectos; sexo masculino, idade mais alta, doença mais extensa e baciloscopia de escarro positiva predominaram no TA, enquanto tratamento prévio predominou no TS. Os pacientes em TA receberam maior número de convocações. Não foram constatadas diferenças em relação ao tempo de história, alcoolismo, raça e número de convocações. O abandono foi mais freqüente no TA (5,0% vs. 17,0%; p < 0,01; RC 3,9; IC 95%, 2,50-5,88); seria necessário tratar 8,4 em TS para evitar um abandono em TA. O abandono estava significativamente associado a raça negra, tratamento prévio e alcoolismo no TA. No TS não foi observada nenhuma diferença significativa em relação ao abandono. Conclusão e proposições: 1) Como o abandono é muito mais freqüente no TA, é necessário iniciar imediatamente o TS universal nas unidades bem estruturadas. Os pacientes que foram tratados anteriormente e os que bebiam excessivamente são os que mais se beneficiariam com o TS. 2) A cooperação com os serviços médicos de empresas, líderes comunitários e farmacêuticos facilitará a instituição do TS. 3) É necessário prever medidas punitivas para os pacientes não cooperativos.

 


Palavras-chave: Tuberculose. Abandono. Tratamento supervisionado.

 

4 - Broncoscopia no diagnóstico de tuberculose: papel da biópsia transbrônquica em imunocompetentes e em HIV-positivos

Bronchoscopy in the diagnosis of tuberculosis: their role of transbronchial biopsy in HIV-infected and in immunocompetent patients

Ricardo H. Bammann, Angelo Fernandez, Carla M.P. Vázquez, Maria Rita E. Araújo, Kátia R.M. Leite

J Bras Pneumol.1999;25(4):207-212

Resumo PDF PT English Text

Introdução: A broncoscopia figura como opção diagnóstica frente a um paciente com suspeita de tuberculose e escarro "negativo". Neste contexto são objetivos do trabalho: avaliar o rendimento do lavado broncoalveolar (LBA) e da biópsia transbrônquica (BTB) nos pacientes HIV-positivos (grupo 1) e em indivíduos imunocompetentes (grupo 2), utilizando técnicas de processamento laboratorial simples e facilmente disponíveis na prática clínica. Casuística e metodologia: Foram realizadas 319 broncoscopias em 302 doentes. Todos os exames incluíram a inspeção endoscópica das vias aéreas seguida da coleta do LBA e da BTB no pulmão ipsilateral. O diagnóstico de tuberculose foi estabelecido em função da pesquisa direta de BAAR no lavado (ZN), da cultura para micobactérias (LJ) e do estudo histológico das biópsias (HE e ZN). Resultados: O diagnóstico de tuberculose foi estabelecido em 28 dos 214 exames do grupo 1 e em 35 dos 105 casos do grupo 2. Destes, havia alterações endoscópicas respectivamente em 3 e 10 pacientes. No grupo 1 a pesquisa direta foi positiva em 7 exames, a cultura do lavado em 14 e a biópsia transbrônquica em 19. No grupo 2 a pesquisa direta foi positiva em 13 casos, a cultura em 17 e a biópsia em 31. Os dados obtidos pela BTB comparados com os do LBA foram concordantes no grupo 1 (p = 0,823) e discordantes no grupo 2 (p = 0,022). Os resultados imediatos (pesquisa direta e BTB) comparados com a positividade tardia da cultura foram semelhantes no grupo 1 (p = 0,066) e discordantes no grupo 2 (p < 0,001). Houve oito episódios de pneumotórax (2,5%) e um óbito (0,3%). Conclusões: A BTB isoladamente aumenta o rendimento da broncoscopia e, sempre que possível, tanto o LBA quanto a BTB devem ser realizados no sentido de otimizar o diagnóstico de tuberculose. Os resultados dos dois métodos são complementares nos pacientes imunocompetentes e, nos HIV-positivos, a BTB confere maior rapidez diagnóstica ao ser associada à pesquisa direta de BAAR no lavado.

 


Palavras-chave: Broncoscopia/métodos. Tuberculose/diagnóstico. Infecções oportunistas relacionadas com a AIDS/diagnóstico.

 

Relato de Caso

6 - Tumor carcinóide: broncotomia como alternativa técnica

Carcinoid tumor: bronchotomy as a technical alternative

Paulo M. Pêgo Fernandes, Luís Gustavo S.I. Castilho, Marcelo G. Gregório, Fábio B. Jatene

J Bras Pneumol.1999;25(4):225-228

Resumo PDF PT English Text

Geralmente, o tratamento para tumores carcinóides típicos em brônquio é a ressecção pulmonar econômica, com ou sem broncoplastia. Este é um relato de caso de uma paciente com tumor carcinóide típico no brônquio lobar inferior esquerdo, junto à carina lobar. Foi realizada broncotomia longitudinal, ressecção do tumor e sutura do brônquio, preservando o parênquima pulmonar. A paciente evoluiu bem e apresenta três anos de pós-operatório sem evidências de recidiva da doença nas broncoscopias de controle.

 


Palavras-chave: Tumor carcinóide de brônquio. Broncoplastia. Broncotomia. Parênquima pulmonar. Cirurgia.

 

7 - Tuberculose pulmonar e neurite óptica: uma nova associação ou uma variante da síndrome de Devic?

Pulmonary tuberculosis and optical neuritis: a new association or a variation of Devic's syndrome?

Lucélia de Azevedo Henn, Carlos Henrique François, Ângela Beatriz John

J Bras Pneumol.1999;25(4):229-231

Resumo PDF PT English Text

Casos esporádicos de pacientes com neuromielite óptica (síndrome de Devic) em associação com tuberculose restrita aos pulmões têm surgido nos últimos anos. Relata-se o caso de uma paciente com perda súbita de visão e posterior diagnóstico de neurite óptica e tuberculose pulmonar. Com base na descrição desse caso são discutidas a possível relação existente entre essas duas patologias e suas implicações.

 


Palavras-chave: Tuberculose. Neurite óptica. Síndrome de Devic.

 

Aprimoramento

8 - Patologia bronquiolar

Bronchiole pathology

Vera Luiza Capelozzi

J Bras Pneumol.1999;25(4):232-239

Resumo PDF PT English Text

Bronquiolites ou bronquilite obliterante são termos gerais usados para descrever uma injúria inflamatória inespecífica que afeta primariamente as pequenas vias aéreas, freqüentemente poupando consideráveis porções do interstício pulmonar. Em geral, os termos utilizados são confusos porque descrevem tanto a síndrome clínica quanto constelações de anormalidades histopatológicas que podem acontecer sob variadas circunstâncias. Infortunadamente, muito do que tem sido descrito sobre bronquiolite na literatura baseia-se em casos isolados ou pequenas séries. Adicionalmente, a confirmação histopatológica do diagnóstico em muitos desses casos não tem sido descrita. Conseqüentemente, permanecem muitas dúvidas com relação à epidemiologia, patofisiologia, seqüelas e tratamento das bronquiolites. O objetivo desta revisão é fornecer uma visão geral sobre o assunto com base nos aspectos histopatológicos na tentativa de melhor compreender as síndromes clínicas resultantes.

 


 


O Jornal Brasileiro de Pneumologia está indexado em:

Latindex Lilacs SciELO PubMed ISI Scopus Copernicus pmc

Apoio

CNPq, Capes, Ministério da Educação, Ministério da Ciência e Tecnologia, Governo Federal, Brasil, País Rico é País sem Pobreza
Secretaria do Jornal Brasileiro de Pneumologia
SCS Quadra 01, Bloco K, Salas 203/204 Ed. Denasa. CEP: 70.398-900 - Brasília - DF
Fone/fax: 0800 61 6218/ (55) (61) 3245 1030/ (55) (61) 3245 6218
E-mails: jbp@jbp.org.br
jpneumo@jornaldepneumologia.com.br

Copyright 2017 - Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia

Logo GN1